A utilização de concreto leve para a produção de tijolos e peças pré-fabricadas é uma forte tendência atual. Os agregados são oferecidos em uma variedade de tamanhos de grãos, e as quantidades usadas nas formulações seguem curvas de distribuição de tamanho de partícula predefinidas. A curva de distribuição de tamanho de partícula determina as propriedades do concreto endurecido. Durante a mistura do concreto, agregados leves podem ser quebrados em pedaços menores por fricção e quando pedaços ficam presos entre a ferramenta de mistura e a parede da cuba, isso pode levar à destruição dos grãos, fazendo com que a curva de distribuição de tamanho de partícula seja deslocados e as propriedades do concreto a serem alteradas. Em misturadores convencionais de ação forçada, os processos também dependem em um grau significativo do tamanho do misturador e do tempo de mistura. Estudos mostraram que os misturadores Eirich causam menos destruição de grãos e permitem uma produção mais uniforme.

Em concretos leves, a densidade aparente mais baixa em comparação ao concreto normal é obtida através da adição de agregados leves que possuem uma alta proporção de poros de ar e, portanto, reduzem a condutividade térmica do material. Esses agregados leves podem assumir a forma de minerais naturais ou substâncias minerais produzidas sinteticamente. Entre esses agregados de ocorrência natural estão a pedra-pomes natural (a partir da qual os tijolos foram fabricados desde meados do século 19 na região da Bacia de Neuwied, na Alemanha) e escória de lava / cinzas vulcânicas. Hoje, agregados leves fabricados sinteticamente estão cada vez mais sendo utilizados; exemplos disso incluem argila expandida ou xisto expandido. A rocha natural é processada industrialmente para obter a porosidade necessária. As matérias-primas são finamente moídas, granuladas e espumadas em fornos rotativos. Como produto final temos pequenos grânulos redondos de rocha. Além de conter muitos poros de ar, eles também têm uma superfície bastante fechada, o que significa que absorvem muito pouca água. Hoje, a sucata de vidro é triturada de maneira semelhante para a fabricação de espuma de vidro, que possui uma película sinterizada particularmente densa.

Nas normas relevantes, é feita uma distinção entre concreto leve com uma estrutura densa e o concreto leve agregado, com uma estrutura aberta. No caso do concreto com estrutura densa, a curva de distribuição granulométrica pode corresponder à de um concreto normal; a única diferença é que agregados leves são usados em vez de agregados densos. Com concreto de agregado leve com estrutura aberta, que permite densidades aparentes significativamente mais baixas, o agregado é escolhido de forma que haja o maior número possível de folgas entre os grãos. Os grãos são revestidos com pasta de agente ligante durante a mistura e grudam nos pontos de contato durante a moldagem.
Quando o concreto é misturado, como primeira etapa, o agregado leve é umedecido com água – só então são adicionados o cimento e outras substâncias pulverulentas. Os aditivos líquidos são adicionados com a água restante para a mistura. O tempo mínimo de mistura recomendado para concreto leve com uma estrutura densa é de 90 segundos após a adição de todos os ingredientes, em comparação com 30 – 60 segundos para concreto normal. Está documentado na literatura que um processo de desmistura é sobreposto a cada processo de mistura, razão pela qual o tempo de mistura em um misturador convencional não pode ser estendido arbitrariamente. A melhor qualidade de mistura alcançável em qualquer situação é obtida após certo período de tempo. Se o tempo de mistura for estendido além deste ponto, a qualidade da mistura começará a se deteriorar.

Ao misturar concreto leve, a qualidade da mistura não é o único fator – também temos que olhar para a destruição de grãos que ocorre durante a mistura. Nos misturadores convencionais, as ferramentas de mistura passam perto das paredes inferior e lateral para mover todos os materiais e misturá-los no processo. Os grãos ficam presos entre as ferramentas e as paredes do misturador e são quebrados, resultando em uma mudança na curva de distribuição de tamanho de partícula e aumento da absorção de água. Este efeito também depende do tamanho do misturador (misturadores maiores requerem mais ferramentas de mistura) e do tempo de mistura. Isso só pode ser remediado até certo ponto, aumentando as lacunas entre as ferramentas de mistura e a caixa do misturador – afinal, não queremos que nada seja deixado sem misturar no fundo do recipiente de mistura.

Quando se trata de misturar concreto leve, existe outra tecnologia de mistura que provou seu valor: o sistema de mistura Eirich. No misturador Eirich, o material misturado é transportado por uma cuba giratória inclinada e a mistura é realizada por uma ferramenta de mistura em rotação rápida, que praticamente não tem contato com o fundo da cuba de mistura. Junto com um raspador de parede / fundo estacionário e duas pequenas lâminas de limpeza de fundo no rotor, por um lado, reduz significativamente o atrito e o desgaste e leva a menos destruição de grãos por outro. E como o material é totalmente misturado em uma única rotação da cuba, graças aos efeitos combinados do rotor e do raspador de fundo / parede, os misturadores intensivos Eirich realizam suas funções de mistura sem qualquer efeito de desmistura. A dependência da destruição do grão no tamanho do misturador também é bastante reduzida. Os misturadores da série ‘R’ Eirich possuem apenas uma ferramenta de mistura móvel – seja no tamanho de 1 litro ou 3000 litros. Ter menos ferramentas significa que menos material sendo misturado fica preso, resultando em menos destruição de grãos. Se houver menos ferramentas, isso também significa que o aumento da escala é significativamente mais simples.

Se você estiver interessado em saber mais, nosso centro de teste está disponível em Jandira-SP e em outras empresas do Grupo Eirich ao redor do mundo, onde as vantagens desta tecnologia de mistura superior podem ser demonstradas.

Entre em contato e saiba mais: https://eirich.com.br/contato/

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tags

62º CBC 7th ICC abceram abividro abravidro agribusiness agritech agro agroindustria agronegócio agronegócios alimenticio alimentos Aproveitamento de resíduos areia de moldagem areia verde argamassa baterias bebidas bndes bndes-finame Cerâmica cerâmica de revestimentos cerâmica-técnica cerâmicos classificação coating cominuição Concreto Congresso Brasileiro de Cerâmica construção coprodutos coronavirus covid-19 descarte de resíduos diatomitos dissolução economia nos custos de produção eirich eirichbrasil EirichGroup embalagens equipamentos equipamentos industriais eventos expomin2016 exposibram2017 farma farmacêutico fertilizante granulado Fertilizantes fertilizantes-npk Fispal 2019 fispal2018 força de trabalho fundição granulação indústria 4.0 industria alimentícia indústria de alimentos indústria vidreira industria-cerâmica insdústria International Congress on Ceramics ISO 22000 ISO 9001 manutenção preventiva materiais de construção meio ambiente metalurgia micropelotização mineração minériodeferro minérios de ferro mistura mistura de fertilizantes mistura intensiva mistura-industrial misturador misturador de alimentos misturador de dissolução misturador de laboratório misturador horizontal misturador para argamassa misturador para fertilizantes misturador para refratários misturador-eirich misturador-industrial misturador-intensivo misturadoras misturadores misturadores industriais misturadorintensivovertical moagem moagem-fina modernização modernização de plantas moinhovertical npk nutrientes pelotização planta industrial plantas industriais processos-de-mistura processos-industriais produção qualidade da areia qualidade do molde químico reciclagem recuperação de resíduos Recursos Humanos redução de custos redução de emissões reduçãodeminérios refratários resíduos resíduos sólidos retrofit revestimentos separação setor de mineração Setor pet siderurgia sinterização tecnologia Tecnologia de Controle Eirich tecnologia de mistura tecnologia-eirich tendências tintas towermill tratamento de superficies vidro vidro oco vidro plano vidro técnico vidros
mostrar todas as tags